Category: Salmos e Orações

Santo: São João Batista

João Baptista ou João Batista, também chamado de João, o Batizador (Judeia, 2 a.C. – 30 d.C.) foi um pregador judeu, do início do século I, citado por inúmeros historiadores, entre os quais estão Flávio Josefo e os autores dos quatro Evangelhos da Bíblia.

Segundo a narração do Evangelho de São Lucas, João Baptista era filho do sacerdote Zacarias e Isabel (Elizabete), prima de Maria, mãe de Jesus. Foi profeta e considerado pelos cristãos como o precursor do prometido Messias, Jesus Cristo. Batizou muitos judeus, incluindo Jesus, no rio Jordão, e introduziu o baptismo de gentios nos rituais de conversão judaicos, que mais tarde foram adotados pelo cristianismo.

oão era um Judeu de educação. Toda a filosofia judaica foi-lhe incutida desde criança. No tempo de João Baptista o povo vivia subjugado à soberania dos chamados gentios havia quase cem anos. A desilusão nacional levantava inúmeras questões a respeito dos ensinamentos de Moisés, do desocupado trono de David e dos pecados da nação.
Continuar lendo “Santo: São João Batista”

Santo: São Judas Tadeu

São Judas Tadeu é um santo cristão e um dos doze apóstolos de Jesus. Seus outros nomes são Judas Tadeus, Judas Lebeus e Judas, irmão de Tiago. Ele é também conhecido como São Tadeu , em diferentes versões da Bíblia, e como São Matfiy na tradição ortodoxa russa (junto com São Judas). Ele não deve ser confundido com Judas Iscariotes, também outro apóstolo, que traiu Jesus e mais tarde, (segundo Mateus), cometeu suicídio.

São Judas foi um irmão de Tiago, e, segundo algumas crenças, um parente (primo) de Jesus. Marcos 6:3 declara sobre Jesus: “Não é esse o carpinteiro? Não é esse o filho de Maria e o irmão de Tiago, José, Judas e Simão? Não são essas suas irmãs conosco?”.

Nos Atos de Tomás, um livro apócrifo do Novo Testamento, escrito na Síria no início do século III, ele foi identificado como Judas Tomás, que é o nome completo do apóstolo Tomás, segundo a tradição síria.

É o autor da Epístola de Judas do Novo Testamento.

Judas, sendo São Judas, é suposto na visão da Igreja Apostólica Arménia, ter levado o Cristianismo à Arménia.

É o santo patrono das causas desesperadas e das causas perdidas na Igreja Católica Romana.
São Judas Tadeu
É o santo padroeiro do Clube de Regatas do Flamengo.

O símbolo de São Judas é um machadinho e às vezes é representado segurando um machado, por sua morte ter ocorrido por essa arma. Ele é também geralmente apresentado em ícones com uma flama ao redor de sua cabeça. Essa flama representa a presença do Pentecoste, quando ele recebeu o Espírito Santo, junto com os outros apóstolos.

Em alguns casos ele é mostrado como um rolo ou livro (seu epístolo) ou segurando uma régua de carpinteiro.

É costume imprimir um milheiro da oração, com o pedido, em jornais ou periódicos, como forma de agradecimento ou para divulgação do mesmo.

Santo: São Genaro ( São Gennaro, São Januário de Benevento)

Januário (século III) é um santo católico; foi bispo de Benevento e é mártir tanto para a Igreja Católica Romana como para as Igrejas Católicas Ortodoxas.

Januário (em italiano Gennaro), patrono de Nápoles, foi bispo de Benevento, no século III. De acordo com a tradição, Januário chamava-se Prócolo e pertencia à família patrícia dos “Ianuarii”, consagrada ao deus Jano.

São Gennaro
São Gennaro

Condenado a morte durante as perseguições de Diocleciano, é considerado santo e mártir tanto para as igrejas católicas como ortodoxas.

É festejado todos os 19 de setembro, quando se repete o suposto milagre da transubstanciação de seu sangue, armazenado num relicário.

É um santo de especial devoção no bairro da Mooca, na cidade de São Paulo.
Continuar lendo “Santo: São Genaro ( São Gennaro, São Januário de Benevento)”

Santo: São Mateus

São Mateus, evangelista “Dom de Javé”, Hebraico padrão e Vocalização de Tibérias Mattay; Grego da Septuaginta Matthaios) é considerado, pela tradição, o autor do Evangelho de Mateus. Era o filho de Alfeu e era publicano (ou cobrador de impostos) em Cafarnaum. Segundo o relato do evangelho, Jesus, depois de atravessar o lago, ao passar por ele, que estava a trabalhar na recolha dos impostos, disse-lhe:

“Segue-me”. Mateus levantou-se e seguiu-o, tornando-se num dos seus doze discípulos (Mateus 9:9). Acompanhou de perto a vida pública de Cristo e se notam traços de sua antiga profissão de cobrador de impostos em determinadas passagens de seu Evangelho, que foi evidentemente escrito para a comunidade cristã recém-saída do judaísmo.

Esteve presente na Última Ceia, em diversas aparições de Jesus ressuscitado, na Ascenção e no dia de Pentecostes. O verdadeiro nome de Mateus era Levi. Um antiga tradição o tornou evangelizador de regiões da Palestina e da Etiópia, onde teria encontrado o martírio.
Clique aqui e leia sua Oração.

São Mateus

São Mateus é considerado o padroeiro dos contadores, de Salerno e da Itália, entre outros.

Seu dia é 21 de setembro.